Dicas para sua primeira viagem ao Uruguai

30 Novembro, 2018 0 Por Next Seguro Viagem
Spread the love

Embalado entre duas potências de viagens latino-americanas, o Uruguai é um dos segredos mais convidativos do continente sul-americano.

Muitas vezes negligenciada por visitantes que fazem um caminho mais curto para o Brasil ou Argentina, o Uruguai tem uma população de 3,4 milhões de pessoas com sua capital voltada para o rio, Montevidéu, seu litoral dinâmico, com uma temporada de carnaval extensa e status de patrimônio cultural da UNESCO. Isso tudo fazem do Uruguai um local de férias latino-americano privilegiado. Veja outros diferenciais:

Praias Atlânticas

O coração do verão no Uruguai são as cidades de Punta del Este, La Barra, Manantiales e Jose Ignacio. Estes são destinos litorâneos com paisagens de encher os olhos.

Com o oceano banhando um dos lados da península de Punta del Este e com o Rio de la Plata, do outro lado, os hotéis de alto nível atraem um público chamativo ao estilo de Miami.

Patrimônio da UNESCO

Enquanto o bairro histórico da cidade de Colônia do Sacramento recebeu o selo de aprovação da UNESCO há 20 anos, o Uruguai acrescentou um segundo prêmio em 2015 – para um frigorífico. É isso mesmo.

Com 263 hectares a “Fray Bentos Paisagem industrial” ilustra todo o processo frigorífico e destaca o intercâmbio de valores sociais e humanos entre a sociedade europeia e a população sul-americana do século 19 e 20. Por isso, a fábrica de produção de carne foi transformada em museu e recebeu o status de patrimônio cultural e industrial da UNESCO em julho de 2015.

Montevidéu

Montevidéu pode ser a capital mais tranquila do mundo, graças à atitude casual dos uruguaios em relação à vida.

Lar de cerca de metade da população do país, o ritmo é tranquilo, com uma arquitetura colonial ao lado de arranha-céus modernos.

A cidade pode ser percorrida facilmente. Você vai adorar os pitorescos bairros de Ciudad Vieja e Barrio Sur.

Carne Saborosa

Sendo um grande exportador de carne bovina – e consumidor de 81,5 quilos por pessoa – é claro que os uruguaios levam o “asado” (churrasco) tão a sério quanto seus vizinhos argentinos.

O gado é alimentado com capim por meio de abundantes pastos. Assim a carne é de altíssima qualidade e permitem pratos caprichados  como o chivito (um sanduíche de filé empilhado) ou pamplona (filé recheado com queijo e pimentão vermelho, envolto em bacon).

O cardápio do Uruguai também tem uma posição no mapa da alta gastronomia com restaurantes que estão presentes na lista dos 50 Melhores Restaurantes da América Latina.

Carnaval

O Rio de Janeiro, no Brasil,  é referência mundial, mas não possui exclusividade no carnaval.

A celebração que dura dois meses no Uruguai, começa em meados de janeiro e baseia-se em grande parte na dança e nos ritmos concebidos por escravos africanos no século XIX.

A bateria é tocada por um grupo de 50 pessoas e sua dança enérgica contagia todas as festas de rua.

Colônia do Sacramento

Fundada pelos portugueses em 1680, esta pacata cidade ribeirinha é uma das mais antigas do Uruguai e a viagem é uma viagem no tempo.

Um convento do século XVII, o farol e a ponte levadiça formam o coração do “Barrio Historico”, protegido pela UNESCO, enquanto os automóveis antigos que se alinham às pitorescas ruas de paralelepípedos oferecem um ambiente semelhante a Havana, em Cuba.

Carmelo

A cidade de Carmelo leva o relaxamento a um nível de elegância.

Localizado acima do rio e cercado por vinhedos e oliveiras, os visitantes se divertem com esportes aquáticos, golfe, corridas de cavalos e pólo.

Mercados de rua

Há uma abundância de mercados de rua em todo o país e, particularmente, em Montevidéu. Mercados de rua são ótimos, porque tudo é vendido lá: roupas, objetos artesanais, jogos de madeira, frutas e legumes, queijo, peixe, carnes, joias, produtos embalados, sapatos, plantas e animais, antiguidades e mais ou menos tudo o que você pode pensar. Alimentos e produtos costumam ser de melhor qualidade e mais baratos nos mercados de rua do que nos supermercados. Ir até lá para comprar lembranças e mercadorias é uma ótima ideia, porque você experimenta a experiência do dia-a-dia do morador local, com o valor agregado de produtos únicos e de melhor qualidade a melhores preços.

Cultura de fim de noite No Uruguai, você estará fazendo tudo um pouco depois do que está acostumado. 23:00 é uma hora perfeitamente normal para o jantar, e apesar de alguns restaurantes abrirem às 19:00 para atender aos turistas, não espere que eles estejam cheios até pelo menos 21:30. Sinta-se à vontade para ir a um bar a partir das 00:00h, pois a maioria fica aberta até as 4h ou 5h da manhã. Os clubes geralmente ficam abertos até as 8h ou 9h da manhã, bem a tempo de pegar o café da manhã no dia seguinte. Você verá movimento nas ruas da cidade a qualquer hora, já que as pessoas estão indo e vindo em todos